Vai para o Circuito das Águas/SP? Confira nossas dicas!

No dia 09 de julho de 2018, o LF e eu visitamos o Circuito das Águas, São Paulo.

Pra começar, o quê exatamente é o Circuito das Águas?!

Bom, o Circuito das Águas é uma rota turística composta por nove pequenas cidades do interior paulista (Águas de Lindóia, Amparo, Holambra, Jaguariúna, Lindóia, Monte Alegre do Sul, Pedreira, Serra Negra e Socorro). Essas cidades são conhecidas por suas estâncias termais e também têm como destaque sua história, artesanato, ecoturismo e turismo rural.

Nós recomendamos muito essa viagem, principalmente para um fim de semana, ou para uma viagem rápida de férias de no máximo 3 dias, que foi o que fizemos, pois as cidades são muito charmosas e você consegue relaxar e ter uma folga daquela rotina agitada.

Ficamos hospedados em Serra Negra, no hotel Morro de Santo Agostinho, que nós gostamos muito, pois só a experiência da hospedagem em si já vale a pena como férias, ótimo lugar para descanso. O hotel tem um ótimo custo benefício, apesar de ser simples, era bem confortável, tinha um café da manhã delicioso e como o próprio nome sugere ficava em um morro na beira da estrada ao lado de um bosque com um riacho, onde fizemos uma trilhazinha guiada pelo “tio Well” que era um guia de recreação do hotel.

O restaurante do hotel merece um destaque, pois o lugar é muito charmoso e a comida é maravilhosa e muito barata, o LF pegou um prato executivo de bife à parmegiana enorme por R$ 25. O prato era individual e não sabíamos que era tão grande, servia com sobra duas pessoas, ele não aguentou comer nem a metade, deu muita dó de jogar uma comida tão boa e bem preparada fora e o meu que era um filé com fritas também era bem grande, não consegui comer tudo. Então fica a dica, um prato individual serve duas pessoas.

A região oferece diversas atividades, as que nós fizemos e podemos contar um pouco melhor para vocês é a Big Tirolesa na Fazenda do Morro Pelado (ou melhor, eu fiz, porque o LF só subiu de gaiola até lá para me dar um apoio moral e desceu de novo com a gaiola) em Águas de Lindóia. É uma tirolesa de 1100m de descida e 100m de altura. A vista de 360 graus, que permite ver toda a cidade e a vizinha Monte Sião, é sensacional, e fica bem na divisa entre Minas Gerais e São Paulo.

O LF não desceu de tirolesa mas pelo menos fez um amigo.

Outra coisa que é bem legal de fazer na região são as comprinhas, você tem várias opções de queijos, doces caseiros (como geléias, doce de leite…) e também artigos de malha e couro. Para couro, Serra Negra é a cidade mais indicada e para malhas direto da fábrica, a famosa é Monte Sião. No entanto, também compramos várias roupas de frio como jaquetas e blazers de muito boa qualidade em uma feira que estava acontecendo em Águas de Lindóia.

Para finalizar nossa viagem passamos em Monte Alegre do Sul onde estava acontecendo a festa do morango que a cidade promove todos os anos no mês de julho. Compramos uma geléia artesanal maravilhosa de morango e caixas de morango com os mais bonitos que eu já vi na vida.

Fonte: https://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/circuito-inverno-das-aguas/noticia/monte-alegre-do-sul-e-palco-da-25a-festa-do-morango-veja-programacao.ghtml

Com certeza é uma região que vale muito a pena visitar, foi uma viagem curta muito prazerosa, a única dica muito importante que precisamos passar para vocês é: preparem-se para o frio! Por incrível que pareça nessa foto abaixo, essa neblina não era no começo da manhãzinha, eram às duas da tarde! Então pensa em um frio!!!

Comente embaixo quais outros passeios que deveríamos ter feito no Circuito das Águas. Em qual cidade você ficou hospedado? Nos dê sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *